• CENSIE

Quando a dificuldade para caminhar pode ser sinal de doença neurológica?




Dificuldade para caminhar pode ser sinal de algum distúrbio do sistema nervoso.


Os sinais que podem se associar ao quadro de dificuldade de marcha como, por exemplo, movimentos involuntários, lentificação dos movimentos, rigidez, são fundamentais para definir o diagnóstico.


Existem doenças que podem causar dificuldades motoras desde o nascimento, inclusive atrasando ou impedindo o início da deambulação, como paralisia cerebral, erros inatos do metabolismo e doenças neuromusculares.


Diversas condições neurológicas podem causar alteração da marcha e, dependendo da condição, a principal faixa etária acometida muda.


Conheça algumas doenças que podem comprometer a marcha:

- Doenças autoimunes, como esclerose múltipla

- Doenças neuromusculares, como miopatias e neuropatias periféricas

- Doenças cerebrovasculares, como AVC

- Doenças neurodegenerativas, como doença de Parkinson e esclerose lateral amiotrófica

- Doenças hereditárias, como doença de Huntington e ataxias


O tratamento sempre vai depender do diagnóstico e das características individuais de cada paciente. O médico pode associar o uso de medicamentos com exercícios e fisioterapia, por exemplo


É essencial procurar um neurologista para análise dos sintomas e indicação de tratamento adequado logo aos primeiros sinais de qualquer alteração neurológica, com o objetivo de evitar a progressão da doença.


Para saber mais agende a sua consulta com a NEUROLOGISTA DO CENSIE, Dra. Nancy Watanabe - CRM 38159

Nosso telefone é: (41) 3339-2060 ou WhatsApp: 98823-9854.

Estamos na Rua Padre Anchieta, 2050 - Cj 1412 - Curitiba - PR.

76 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo